Meio Ambiente participa de visita técnica oficial à unidade da Embrapa Pesca e Aquicultura em Palmas

O local é um centro de excelência importante no processo de alevinagem, nutrição e parte de reprodução
por Robson Corrêa/Governo do Tocantins
-
A secretária do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Miyuki Hyashida, agradeceu o suporte tecnológico fornecido pela Embrapa Pesca e Aquicultura em Palmas - Foto: Marcel de Paula/Governo do Tocantins

A secretária do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Miyuki Hyashida, participou, na manhã desta quinta-feira, 23, de uma visita técnica à sede da Embrapa Pesca e Aquicultura em Palmas, acompanhando o secretário de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Júnior e o presidente da Embrapa, Celso Moretti e demais autoridades.  A programação contou com palestras, tour no laboratório de pesquisa e apresentação do Plano de Execução da Embrapa e dos principais resultados da empresa na área da aquicultura e pesca. 

 “Tivemos a oportunidade de percorrer os locais onde são desenvolvidas as atividades da empresa junto com pessoas que fazem parte da aquicultura nacional, e estamos certos que podemos contar com o suporte tecnológico oferecido pela Embrapa para melhorarmos cada vez mais a nossa produção no Tocantins, afinal, trata-se de uma empresa pública que, através da parceria público/privada, trabalha para sanar problemas e dessa forma ofertar ao mercado um produto de qualidade”, destacou a secretária Miyuki Hyashida. 

A visita contou com a presença do secretário Nacional de Pesca e Aquicultura do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Jorge Seif Júnior, que em sua fala destacou a relevância da Embrapa no desenvolvimento tecnológico. “Quando nos deparamos com um centro de excelência como este, onde trabalham mestres, doutores e pós-doutores realizando estudos importantes no processo de alevinagem, nutrição e parte de reprodução, tudo isso sendo feito aqui de forma excelente nos dá uma perspectiva de que a pesca e aquicultura no Brasil também vai chegar aos mais altos patamares de exportação”, disse. 

O presidente da Embrapa, Celso Luiz Moretti, frisou que “a visita foi uma grande oportunidade para mostrar o que a ciência, tecnologia e a geração de conhecimento pode fazer para a pesca e aquicultura, para o sistema agrícola, e no sentido mais amplo, para a agricultura e economia do Brasil”. O presidente ainda destacou que o país alimenta em torno de 800 milhões de pessoas e no futuro bem próximo vai alimentar uma parcela maior da população global, contando com os mecanismos disponíveis por meio da ciência, tecnologia e inovação. 

A visita contou com a presença dos deputados federais Carlos Henrique Gaguim, Tiago Dimas, Professora Dorinha Seabra Rezende, além do secretário de Estado da Agricultura e Pecuária (Seagro), Jaime Café. 

Embrapa

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária foi criada em 26 de abril de 1973 e é vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Desde a criação, tem um desafio de desenvolver, em conjunto com os parceiros do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária (SNPA), um modelo de agricultura e pecuária tropical genuinamente brasileiro, superando as barreiras que limitavam a produção de alimentos, fibras e energia no nosso País. Hoje a Embrapa é uma empresa de inovação focada na geração de conhecimento e tecnologia para agropecuária brasileira. 

 

A programação contou com palestras e tour no laboratório de pesquisa - Marcel de Paula/Governo do Tocantins
Os convidados conheceram o Plano de Execução da Embrapa e os principais resultados da empresa na área da aquicultura e pesca. - Marcel de Paula/Governo do Tocantins
Visita técnica à Embrapa Pesca e Aquicultura acompanhando o secretário de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Júnior e o presidente da Embrapa, Celso Moretti e demais autoridades - Marcel de Paula/Governo do Tocantins
keyboard_arrow_up