ATI e Controladoria-Geral discutem integração das pastas como estratégia para fortalecer os trabalhos no Governo do Tocantins

Também foram colocadas em pauta reestruturações tecnológicas que atendam normativas amplamente demandadas pela sociedade
por Thaís Ramalho e Val Rodrigues/Governo do Tocantins
-
Reunião na CGE segue agenda da ATI em visita aos órgãos de controle da administração - Foto: Thaís Ramalho/Governo do Tocantins file_download

Nesta quinta-feira, 25, o presidente da Agência de Tecnologia da Informação (ATI), Marco Aurélio Giralde; e a sua equipe de gestão deram continuidade à agenda de visitas aos órgãos de controle da administração pública. Na Controladoria-Geral do Estado (CGE), os gestores colocaram em pauta a integração entre as pastas para o resultado efetivo das atividades desenvolvidas no Governo do Tocantins.

Na ocasião, também foram discutidas reestruturações tecnológicas que atendam normativas amplamente demandadas pela sociedade e pelos órgãos de controle, tais como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e a disponibilização regulamentar de dados abertos.

“Apresentamos a nossa equipe de gestão e nos colocamos à disposição para tratar das demandas referentes à tecnologia da informação, pois o nosso objetivo é estreitarmos os trabalhos com a CGE, para que possamos conduzir uma gestão transparente, com decisões assertivas e, consequentemente, fortalecermos os trabalhos no Governo do Tocantins”, afirmou Marco Aurélio Giralde.

Durante a reunião, o secretário-chefe da CGE-TO, Senivan Almeida de Arruda, juntamente com os responsáveis pelos macrossetores da pasta, apresentou a dinâmica de atuação e as atribuições da Controladoria e suas respectivas áreas, enfatizando as atividades diretamente ligadas às competências da ATI, tais como o Portal da Transparência; o Portal de Serviços e os sistemas que atendem às demandas de controle interno e correição.

O gestor da CGE destacou que essa integração entre os órgãos é positiva, "pois o servidor e o cidadão precisam de respostas rápidas" e a aproximação e a atuação conjunta promovem uma melhor realização dos serviços e das respostas à sociedade. "As demandas da Controladoria-Geral do Estado, sejam da atuação administrativa ou do acesso dos cidadãos e das cidadãs aos serviços, como os da Ouvidoria, passam pelas ferramentas tecnológicas. Estamos satisfeitos com essa visita da ATI que se dispõe à aproximação e ao diálogo, o que fortalece e aprimora nossos processos de trabalho", ressaltou Senivan Almeida.

Presenças

Participaram, também, da reunião, o superintendente de Infraestrutura e Serviços de Tecnologia da Informação, Periano Catani; o superintendente de Gestão e Governança de Tecnologia da Informação, Brunno Sales Cunha; o superintendente de Sistemas de Informação, Roniselton Barreto; o diretor de Administração e Finanças da ATI, Miguel Chaves; a assessora jurídica da ATI, Michelle Borges; a corregedora-geral do Estado, Simone Pereira Brito; o superintendente de Gestão e de Ações de Controle Interno, Benedito Martiniano da Costa Neto; a ouvidora-geral do Estado, Arely Soares Carvalho Teles e as diretoras de Controle da Gestão Governamental e de Prevenção à Corrupção, Kilvânia Rodrigues de Melo Miranda; e de Auditoria e Fiscalização, Eva Moreira Martins Santos, além de técnicos e técnicas do órgão.

Edição: Alba Cobo

Revisão Textual: Marynne Juliate

keyboard_arrow_up