Governo do Estado trabalha a implantação de Barraginhas na região do Bico do Papagaio

17 municípios serão contemplados com ações coordenadas pelo Ruraltins
por Lúcia Brito/Governo do Tocantins
-
17 municípios serão contemplados com as ações coordenadas pelo Ruraltins. - Foto: Governo do Tocantins

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), cumprindo metas estabelecidas em Termos de Cooperação Técnica, trabalha a implantação de Barraginhas em 17 municípios da região do Bico do Papagaio, no  extremo norte do Estado. O projeto Barraginhas consiste na captação das águas da chuva em pequenas bacias com o objetivo de controlar a erosão dos terrenos, proporcionar a infiltração da água no solo e a recarga dos lençóis freáticos.

Nesse sentido, um encontro online, ocorrido nesta quinta-feira,2, reuniu mais de 50 pessoas, entre técnicos, produtores e secretários municipais de agricultura das cidades de Ananás, Angico,Tocantinópolis , Palmeiras, Darcinopolis, Carrasco  Bonito, Praia Norte, Nazaré Maurilândia. Augustinópolis, Santa Terezinha, Luzinópolis , São Miguel, Sítio Novo ,Araguatins, Cachoeirinha e Buriti, para debater o assunto.

A iniciativa foi coordenada pelo diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural, do Ruraltins, Marco Aurélio Vaz, que na oportunidade fez uma ampla explanação sobre a temática, abordando os benefícios ambientais, sociais e econômicos para a região. 

“Dentro das tratativas com os gestores municipais a gente sempre priorizou conservar a água e solo, porque na região chove muito. Então, o efeito principal das Barraginhas será diminuir o processo erosivo, causado pela intensidade das chuvas, nessas localidades. Nossa proposta é aproveitar este momento, em que se está reformando as estradas vicinais, para implantar as Barraginhas, pois elas são canais adequados de escoamento da água e infiltração no solo, evitando assim  o assoreamento de rios, lagos e córregos. O que nós  queremos mesmo é promover a proteção do solo", avalia Marco Aurélio.

Conforme ainda o diretor, nessa parceria o custo operacional do Projeto Barraginhas ficará a cargo das Prefeituras, cabendo ao Ruraltins o apoio técnico e o treinamento das equipes envolvidas. “Essa ação é um desdobramento do plano de trabalho acordado com os gestores municipais, por meio da assinatura de termos de cooperação técnica”, disse, complementando que um cronograma de ações está sendo elaborado para dar inicio ao processo de implantação das Barraginhas no próximo mês de novembro. 

O Projeto Barraginhas é uma tecnologia desenvolvida pela Embrapa, e no Tocantins já foi implantado nas regiões sul e sudeste do Estado, beneficiando milhares de propriedades rurais. 

Encontro online reuniu mais de 50 pessoas para discutir a implantação das Barraginhas no extremo norte do Estado. - Ruraltins
Diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural, do Ruraltins, Marco Aurélio Vaz, conduziu a reunião online. - Ruraltins
keyboard_arrow_up