Homem é preso pela PM após praticar roubo em Araguaína

Em um dos crimes cometido pelos autores, as vítimas conseguiram anotar a placa da motocicleta usada no crime o que facilitou a localização dos envolvidos.
por ASCOM 2º BPM
-
Foto 01 - PM prende homem por prática de roubo em estabelecimentos comerciais em Araguaína..jpeg

A Polícia Militar prendeu, na manhã dessa terça-feira, 12, no Setor Vila Nova em Araguaína, um homem, 22 anos, por prática de roubo em estabelecimentos comerciais. Com o suspeito, foi localizada uma motocicleta Honda CG 160 FAN GM, cor vermelha.

Após acionada via Sistema Integrado de Operações (SIOP), a equipe de policiais militares deslocou ao endereço mencionado e se deparou com as vítimas, dois homens, 22 e 26 anos e uma mulher, 33 anos, os quais relataram que foram abordados por dois homens, com menção de estarem armados com arma de fogo e, em seguida, os suspeitos subtraíram aproximadamente R$400 reais do caixa e um bracelete de ouro de uma colaboradora do estabelecimento comercial. Após o delito, os supostos autores, fugiram do local tomando rumo ignorado em uma motocicleta.

De posse dessas informações, a guarnição realizou diligências nas imediações e, segundo informações de populares, a dupla teria praticado outro roubo em um posto de combustível no Bairro São João, momento em que as vítimas conseguiram anotar a placa da motocicleta Honda CG 160 FAN GM, cor vermelha, conduzida pelos suspeitos. 

Os dois estabelecimentos comerciais tinham câmeras de segurança e, após visualizar as imagens, com as características dos homens e com os dados do veículo, os policiais militares prosseguiram com as diligências e localizaram um dos envolvidos, um homem de 22 anos, em um balneário, juntamente com o veículo utilizado na prática dos delitos, o qual confirmou a ação delituosa e conduziu a guarnição até a residência do segundo suspeito, porém, o indivíduo não foi localizado, mas seu documento de identidade foi repassado aos policiais, sendo possível identificar como sendo um homem, também de 22 anos.

Diante dos fatos, o suspeito, a motocicleta e o documento do possível comparsa foram apresentados à Delegacia de Polícia Civil de Araguaína para os procedimentos legais.

 

Edição: Lara Tavares

Revisão Textual: Lara Tavares

keyboard_arrow_up