Servidores da PGE são aprovados em Mestrado Profissional da UFT/ESMAT

por Jocyelma Santana - Jornalista
-
Os procuradores Gabriela dos Santos Barros e Rodrigo de Meneses integram o grupo de aprovados para o mestrado profissional da ESMAT/UFT - Foto: Acervo - Aproeto

Seis servidores da Procuradoria Geral do Estado(PGE/TO) estão entre os aprovados da nona turma do Programa de Pós-Graduação Mestrado Profissional em Prestação Jurisdicional e Direitos Humanos, realizado em parceria pela Escola Superior de Magistratura Tocantinense(ESMAT) e a Universidade Federal do Tocantins (UFT). 

O mestrado profissional, de natureza interdisciplinar e área de concentração em Efetividade da Jurisdição e Direitos Humanos, ofereceu 34 vagas para ingresso no primeiro semestre de 2021, distribuídas em quatros diferentes grupos de servidores efetivos ou comissionados integrantes do Poderes Judiciário e Executivo, e do Ministério Público Estadual.

Destas, 20 vagas foram destinadas a servidores efetivos ou ocupantes de cargo em comissão do Poder Executivo do Estado do Tocantins, entre eles, procuradores do Estado. Por ordem de classificação, no grupo 2, foram selecionados os procuradores do Estado: Gabriela dos Santos Barros, Thiago Emanoel A. de Oliveira, Raul Mattei, Lucas Leal Sousa, Rafael Freitas Costa e  Rodrigo de Meneses dos Santos; também foi aprovada a servidora Bárbara Rodrigues da Luz, assessora da Subprocuradoria Fiscal e Tributária. 

A pós-graduação é voltada ao aperfeiçoamento e qualificação de profissionais nas diversas áreas do conhecimento, por meio do estudo de técnicas, processos, ou temáticas para o aperfeiçoamento do Sistema de Justiça, da Prestação Jurisdicional e dos Direitos Humanos no âmbito da Amazônia legal, preferencialmente do Tocantins.

Confira o resultado aqui. 

keyboard_arrow_up