Cidadania e Justiça viabiliza 2ª dose da vacina contra covid-19 para custodiados na Unidade Penal Regional de Guaraí

Campanha atendeu 76 presos e um servidor
por Marcos Miranda/Governo do Tocantins
-
O direito à saúde é garantia prevista na Lei de Execução Penal - Foto: Seciju/Governo do Tocantin

O direito à saúde é garantia prevista na Lei de Execução Penal (LEP). Com base neste preceito, a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), em parceria com a Secretaria de Saúde de Guaraí, promoveu, na última sexta-feira, 1º de outubro, a vacinação da 2ª dose contra a covid-19 para custodiados da Unidade Penal de Guaraí, totalizando atendimento a 76 presos e um servidor com imunização completa contra a doença.

O chefe de Segurança da Unidade Penal Regional de Guaraí, Adriano Almeida, falou sobre a relevância da vacinação, uma vez que a pandemia não chegou ao fim. “Esta ação de vacinação contra a covid-19, que contou com apoio da Secretaria de Saúde de Guaraí, é de suma importância [para conter] a contaminação e proliferação do vírus, pois protege os presos e servidores, mas também, de forma indireta, toda a sociedade, uma vez que existe um grande fluxo de entrada e saída de pessoas na Unidade Penal”, pontuou.

O custodiado M.V.S., que foi vacinado nesta campanha, comemorou o retorno de contato com seus familiares. “A vacina contra a covid-19, além de nos proteger do vírus, traz com ela a esperança de as visitas voltarem. Estou preso porque fiz algo de errado [para] a sociedade, quero pagar e voltar melhor ao meio social e, com o apoio da família, sei que vou conseguir”, afirmou.

De acordo com a Gerência de Assistência Educacional e Saúde do Preso e Egresso do Sistema Penal, com a conclusão da segunda dose para os 76 presos que ainda não tinham recebido a vacina, 100% dos 155 custodiados desta Unidade passam a estar com o esquema vacinal completo.

keyboard_arrow_up