Nota de Pesar – Professora Juscéia Aparecida Veiga Garbelini

O Governo do Tocantins, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Tocantins (Fapt) solidariza a família e amigos pelo falecimento da professora doutora em Lingüística, Juscéia Aparecida Veiga Garbelini
por Geórgya Laranjeira Correa / Governo do Tocantins
-
Fapt solidariza amigos e familiares pelo falecimento da professora - Foto: Divulgação

O Governo do Tocantins, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Tocantins (Fapt) solidariza a família e amigos pelo falecimento da professora doutora em Lingüística, Juscéia Aparecida Veiga Garbelini. A professora faleceu na última quinta-feira, 05, aos 64 anos, devido a um câncer.  Deixa esposo, filhos e netas. Que Deus possa dá conforto a cada um diante desse momento, para que tenham forças para superar a saudade de uma pessoa tão querida. 

Ela era professora aposentada do curso de Letras da Universidade Federal do Tocantins, câmpus de Porto Nacional. Exerceu diversos cargos, chegando a ser titular da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis  (Proest). Também atuou na gestão do Câmpus de Porto Nacional, como diretora. Em seu histórico de gestão, também foi secretária de Educação da capital, Palmas.

A professora Juscéia era graduada em Letras Franco-Portuguesa, pela Faculdade Estadual de Filosofia Ciências e Letras de Jacarezinho (PR); tinha especialização em Língua e Literaturas Correspondentes, pela Faculdade Estadual de Filosofia Ciências e Letras de Cornélio Procópio; mestrado em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) e doutorado em Lingüística pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

 Com informações da Sucom - UFT

 

keyboard_arrow_up