Encontro Nacional de Detrans é aberto com presença de dirigentes dos órgãos de trânsito de todo o país; ao final será elaborada Carta do Tocantins

Tocantins recebe a 70ª edição do Encontro e debate vários temas importantes que fazem parte dos serviços prestados pelos Departamentos estaduais de Trânsito no país. Participam do encontro 23 presidentes de Detrans das cinco regiões brasileiras.
por Celso Gick - Ascom DETRAN/TO
-
Abertura do 70º Encontro Nacional dos Detrans, em Palmas/TO, contou com a presença do vice-governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa - Foto: Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO

Os trabalhos da 70ª edição do Encontro Nacional de Detrans foram iniciados nesta quinta-feira, 30, com a presença de presidentes dos órgãos estaduais de trânsito do país, diretores, assessores e patrocinadores do evento em Palmas. A programação do encontro, segue nesta sexta, 1º de outubro, com painéis temáticos e grupos de trabalho. Participam do encontro 23 presidentes de Detrans das cinco regiões do país. 

Ao final, será elaborada a Carta do Tocantins, com as conclusões obtidas durante o evento. A abertura das atividades contou com a presença do vice-governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa. A programação promovida pela Associação Nacional de Detrans (AND), que acontece desta vez no Tocantins, tem como tema: Tecnologias, soluções e melhorias para o setor do Trânsito. Além dos presidentes dos Detrans, o evento tem a participação de integrantes de outras instituições relacionados à gestão do trânsito. 

A abertura dos trabalhos, contou com a participação do vice-governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, do presidente do Detran/SP e da AND, Ernesto Masscellani Neto, do presidente do Detran/TO e vice-presidente da AND na região Norte, Cláudio Alex Vieira, do presidente do Fórum Nacional de Conselhos Estaduais de Trânsito (Focotran), Frederico Pierotti Arantes.

O vice-governador Wanderlei Barbosa, em seu pronunciamento na abertura do encontro, inicialmente, deu as boas-vindas aos presentes e, em seguida, destacou que o sistema de trânsito precisa estar cada vez mais organizado frente ao crescimento populacional e os avanços tecnológicos, com a participação dos segmentos envolvidos. “Pois esse diálogo é fundamental para trabalharmos com transparência, visto que as sugestões de todos devem ser ouvidas, para a obtenção de um propósito comum”, disse. 

Segundo o presidente do Detran/SP e da AND, Ernesto Mascellani Neto, programações como esta são muito importantes, porque existem 27 Detrans no país e cada um com suas especificidades. “Além disso vivemos um período de mudanças aceleradas e é cada vez mais necessário que os Detrans tenham suas práticas redesenhadas para que possamos melhor atender as necessidades dos cidadãos”, disse. “É extremamente positivo a troca de experiências e o debate de assuntos comuns, mas o mais importante é sairmos daqui com uma agenda definida, para sensibilizarmos quem está realmente elaborando a legislação, para que fique mais próxima da realidade. Porém sempre com o intuito de melhor atender nossos usuários”, explicou.

O presidente do DETRAN/TO, Cláudio Alex Vieira, em seu pronunciamento, afirmou ser uma satisfação receber no Tocantins representantes dos Detrans de todo o país e destacou a importância do evento, que proporciona troca de informações e alinhamento da atuação entre os diferentes órgãos de trânsito estaduais. “Pois nossa maior preocupação é a prestação de serviços sempre mais adequados às demandas dos usuários, que devem ser tratados com todo respeito e suas solicitações atendidas com a maior agilidade possível”, disse. 

Na apresentação de painéis, no primeiro dia, foram abordados assuntos como Proteção de Dados (LGPD) nos Detrans, ISSO 27001: Segurança da Informação no Transacionamento de Dados e Registros, Cursos da ADN, Monitoramento de Exame Prático de Direção Veicular, Regramento do Exame Toxicológico na Base Nacional e Relatório do Grupo de Trabalho da AND - Revisão da Resolução do Contran.  

Já no segundo dia, serão tratados temas como Detran/TO - Mudanças e Melhorias para o Cidadão na Pós-Pandemia, Segurança da Informação, Municipalização, Alterações do CTB pela Lei de Conversão da MP 1.050/21 e impactos aos Detrans e Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesão no Trânsito (PNATRANS) e Carro Clonado.

Prevenção

Em cumprimento aos protocolos contra a disseminação da Covid-19, a coordenação do evento adotou os procedimentos recomendados pelos órgãos de saúde, como a disponibilização de álcool em gel, uso obrigatório de máscaras, cumprimento às normas de distanciamento social e capacidade limitada de pessoas.

AND

A Associação Nacional dos Detrans (AND) é uma entidade civil, constituída pelos dirigentes em exercício, dos departamentos de trânsito dos estados e do Distrito Federal. Tendo como objetivo congregar os Departamentos Estaduais de Trânsito para o estudo e solução das questões relevantes relacionados com o trânsito e sua legislação, bem como desenvolver o intercâmbio e representar seus associados junto à Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran).

Por Celso Gick
Edição: Jorge Valeriano
 

70º Encontro Nacional dos Detrans - Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO
detran2.jpeg -
70º Encontro Nacional dos Detrans - Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO
70º Encontro Nacional dos Detrans - Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO
70º Encontro Nacional dos Detrans - Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO
70º Encontro Nacional dos Detrans - Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO
70º Encontro Nacional dos Detrans - Felix Carneiro - Ascom DETRAN/TO
keyboard_arrow_up