2ª Temporada da Operação Lockdown chega à terceira etapa com 16 Unidades aptas para o recebimento de novos custodiados

Para a execução dos trabalhos da Operação, a Seciju conta com o apoio das demais Forças de Segurança e dos Órgãos do Sistema de Justiça.
por Maria Gabriela – Governo do Tocantins
-
A logística para a execução dos trabalhos durante a Operação Lockdown foi organizada de acordo a disposição das oito regionais
A logística para a execução dos trabalhos durante a Operação Lockdown foi organizada de acordo a disposição das oito regionais - Foto: Naab Thalyz/Governo do Tocantins

As medidas de prevenção à Covid-19 no Sistema Penal Tocantinense continuam. A Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju) deflagrou a terceira fase da Operação Lockdown, que se encontra na sua II Temporada. Nesta etapa, que segue até o dia 26 de junho, 16 Unidades Penais foram selecionadas para o recebimento de novos presos.

O superintendente de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional, Orleanes Alves, explicou que “a Operação Lockdown é extremamente necessária e, aliada às demais medidas de prevenção e protocolos de segurança, se tornou uma ferramenta fundamental à proteção da saúde das pessoas privadas de liberdade e dos servidores que trabalham diariamente nas Unidades Penais de todo o Tocantins”, afirmou.

O gerente de Administração e Operações do Sistema Penal, Bionor Vaz, ressaltou que, a logística para a execução dos trabalhos durante a Operação Lockdown foi organizada de acordo a disposição das oito regionais e também das regionais da Secretaria de Estado da Segurança Pública, bem como as estruturas físicas e o quantitativo de pessoas privadas de liberdade nas Unidades Penais.

“Estamos trabalhando de forma estratégica e nas Unidades aptas para o recebimento de novos custodiados há celas destinadas ao período de quarentena, sendo realizados procedimentos de triagem e testagem para a detecção da Covid-19 antes do acesso à carceragem e inserção ao convívio com os demais presos”, frisou.

Ainda segundo o gerente, “estamos aliados com as demais Forças de Segurança e prestamos o apoio logístico na movimentação dos presos recém-chegados ao Sistema Penal. Temos obtido êxito nos trabalhos e seguiremos com a iniciativa enquanto durar a pandemia e até que a população carcerária e os servidores estejam imunizados pela vacina”, finalizou.

Unidades Penais aptas

Nesta terceira fase da II Temporada da Operação Lockdown as unidades penais consideradas aptas para o recebimento de presos ingressos no Sistema são: Araguacema, Araguatins, Araguaína, Arraias, Colinas do Tocantins, Dianópolis, Guaraí, Gurupi, Miracema do Tocantins, Paraíso do Tocantins, Palmas, Tocantinópolis, e as unidades penais femininas de Babaçulândia, Pedro Afonso, Palmas e Talismã.

(Edição: Lauane dos Santos – Governo do Tocantins)

keyboard_arrow_up