Governo do Tocantins apoia Show de audição exclusiva do álbum Deixa Raiar

Show da cantora tocantinense RAIA acontece nesta quarta-feira, 20, no Memorial Coluna Prestes, em Palmas
por Wladimir Machado/Governo do Tocantins
-
Divulgação Deixa Raiar 1.png file_download

Conta com apoio do governo do Tocantins, por meio da Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), o álbum “Deixa Raiar”, composto pela cantora RAIA, terá show de audição exclusiva nesta quarta-feira, 20, no Teatro de Bolso, no Memorial Coluna Prestes, em Palmas. O evento terá público reduzido de 45 pessoas, obedecendo todas as medidas de segurança sanitária.

O repertório contará, além das canções já conhecidas da compositora, com seis singles inéditos do álbum, o público verá um espetáculo multilinguagem, com dança e elementos do teatro. Além disso, um intérprete de LIBRAS traduzirá toda a apresentação, de modo a proporcionar mais acessibilidade à performance. A ideia da audição exclusiva antes do lançamento online é um modo de reservar as músicas aos ouvintes tocantinenses. “Queria cantar meu primeiro disco para o público palmense”, explica RAIA.

De acordo com informações da organização do evento, as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade social, e para pessoas com deficiência, a entrada é gratuita, uma vez que 20% dos ingressos foram reservados para estes grupos. A rapper MC Iúna fará uma participação especial mostrando suas rimas, e, em conjunto com a dançarina Gabi Oliveira, compõe o balé de RAIA. MC Iúna integra o Centro Cultural Carlos Maringhella onde os ensaios para o evento aconteceram e onde a cantora RAIA já conduziu uma oficina de dança do ventre. A artista também é engajada como ativista. “Um dos diferenciais da produção é a escolha por uma equipe técnica e artística majoritariamente negra e feminina”, diz a cantora, ressaltando que faz questão de visibilizar e fortalecer as pautas sociais.

O espetáculo foi contemplado em 2° lugar no Edital 003 da Lei Aldir Blanc do Governo do Estado, que também permitiu a interação com a comunidade Quilombola do Prata localizada no município de São Félix do Tocantins, no Jalapão. RAIA morou seis meses na região, atuando como médica, onde ela conheceu a comunidade e percebeu que o quilombo não recebia muitos projetos culturais. “Quando pensei em escrever um projeto cultural, idealizei levar para a juventude do Prata”, diz, ressaltando que graças ao apoio da Lei Aldir Blanc, e a parceria com a prefeitura de São Félix, foi possível a ministrar uma oficina de audiovisual e dança para os adolescentes da comunidade remanescente quilombola.

“Nos enche de orgulho trabalhos que enaltecem as riquezas naturais do Tocantins em forma de arte musical, além de abraçar as causas sociais do nosso Estado”, considerou o presidente da Adetuc, Jairo Mariano.

Deixa Raiar


O disco Deixa Raiar é o primeiro álbum da artista, traz 11 canções autorais, sendo que seis delas são inéditas. O álbum tem músicas de diversos ritmos brasileiros e carrega uma forte referência ao Tocantins, que está presente nos cenários, ritmos e cores em alusão ao Estado. Em 2020, o lançamento do álbum foi adiado devido à pandemia, e em dezembro foi selecionado em editais estaduais e no edital promovido pelo Banco da Amazônia, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.


RAIA
Envolvida com arte desde a infância, quando atuava em peças estudantis, a cantora iniciou a carreira na música, profissionalmente, em 2018, com o lançamento do vídeoclipe “Casinha”, gravado em Taquaruçu, alcançando mais de 65 mil visualizações em seu canal no You Tube. Na sua trajetória, tem sete singles lançados, e participou de dos festivais de música Bem Ali Sessions, Toca FM e Salimp de Imperatriz.

Os ingressos para o evento podem ser adquiridos no valor de R$20,00 e estão disponíveis para compra por meio do WhatsApp: (63) 99237-7771.

keyboard_arrow_up