Palavra do Presidente

Governo do Tocantins (16).JPG

Inciciamos nossa gestão à frente da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) em 13 de janeiro de 2021 com muita expectativa de desenvolvimento. Na área de inspeção animal adotamos mecanismos para desburocratizar e facilitar a abertura de novas agroindústrias: recebemos autorização do Ministério da Agricultura para habilitar empresas ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos e Insumos Agropecuários (e-Sisbi); tivemos a regulamentação recentemente do Selo Arte (produtos únicos com características regionais e culturais) e a ampliamos as atividades do Selo Artesanal que passa a incluir produtos cárneos, antes era apenas lácteo.

Nestes cinco primeiros meses do ano, o Governo do Tocantins, por meio da Adapec, habilitou duas novas empresas ao Sisbi, sendo um entreposto no segmento de produtos cárneos em Palmas e um laticínio no município de Wanderlândia, na região norte do Estado.  Com isso, chega a oito o número de empresas com registro no Serviço de Inspeção Estadual (SIE) com equivalência federal para a comercialização dos produtos de origem animal em todo território nacional.

-Área animal

Realizamos ações em diversos programas sanitários, com destaque para o controle adotadas para o controle de casos de Mormo em equídeos, atuando na investigação de casos e medidas preventivas; controle da  raiva dos herbívoros em diversos municípios, com equipes de capturas de morcegos hematófagos (principal transmissor da raiva dos herbívoros), monitoramento e cadastros de abrigos. A Adapec, também tem atuado nas fiscalizações de barreiras fixas e volantes, visando coibir a entrada de suínos, produtos e subprodutos oriundos de áreas não livre da Peste Suína Clássica (PSC).

Estamos trabalhando para melhorias na estruturação da Agência e garantia da sanidade dos nossos rebanhos de bovídeos, equídeos, suínos, ovinos e caprinos, além dos plantéis de aves que vem em forte crescimento, da expansão da piscicultura e da apicultura.

Em cumprimento às recomendações do Plano Estratégico de Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA), a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) estabeleceu em maio,  a obrigatoriedade de cadastro de veículos e condutores visando a rastreabilidade de trânsito animal interestadual e intraestadual. A Portaria n° 109, que trata das normas foi publicada no Diáro Oficial. O limite do prazo para o cadastramento é até 1° de setembro de 2021.

À medida faz parte de uma série de diretrizes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que prevê entre outras ações, a ampliação da vigilância para febre aftosa, uma vez que o Tocantins pretende elevar o status sanitário à condição de livre da doença sem vacinação, prevista para 2022.

-Área vegetal

Após receber o aval do Mapa, revisamos e atualizamos a legislação do Programa Estadual de Controle da Ferrugem Asiática da Soja no Tocantins (PECFS). O resultado possibilitou o plantio de soja na condição de excepcionalidades das planícies tropicais, para o  produtor de soja salvar sementes para uso próprio..

Investimentos na defesa agropecuária

A Adapec está presente em 139 municípios do Estado, com mais 23 barreiras fixas 13. O Governo do Tocantins  em parceria com o Governo Federal já investiram este ano, por meio de convênio, R$ 1,5 milhão. Deste recurso foram adquiridos e entregues à Adapec, 14 veículos do tipo pick-up, somando R$ 1 milhão de reais e R$ 500 mil estão sendo destinados para cursos de qualificação da equipe técnica. Já fizemos o aditivo para captação de mais recursos  no valor para atender as demandas das unidades da Adapec nos 139 municipios do Estado.

Outra importante ação, é a cooperação entre Adapec e o Fundo de Desenvolvimento Agropecuário (Fundeagro). Foram adquiridos por meio deste convênio, cinco máquinas de grande porte, manutenção nos quatro grandes nobreaks da sede e em mais 100 nobreaks que estão sendo destinados para as unidades locais e seccionais nos municípios do interior do Estado.

Nossos trabalhos não param e serão aprimorados ainda mais com muita garra e determinação de uma equipe qualificada de profissionais juntamente com as parcerias dos produtores rurais, empresários e a comunidade em geral.

Perfil
Paulo Antônio de Lima, tem 72 anos, natural de Itaberaí - GO, é agropecuarista, foi presidente do Sindicato Rural de Alvorada, diretor financeiro e presidente interino da Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (FAET-TO).

keyboard_arrow_up